Morrer para viver melhor

“Em verdade, em verdade vos digo: Se o grão de trigo caindo na terra não morrer, fica ele só; mas se morrer,
dá muito fruto.” – João 12.24

A morte é como uma sombra que paira acima de todos os seres humanos. Embora seja impossível, constantemente
estamos tentando escapar da morte. Há pessoas que nunca pronunciam essa palavra. Não vão a velórios ou
cemitérios. Vivem como se nunca fossem morrer.

Quando nos apegamos aos bens e valores humanos, quando nos agarramos às nossas tradições e aos costumes do
passado, lutando assim para que permaneçam, impedimos que coisas novas nos levem ao caminho da verdadeira alegria.

Mas, no texto acima o nosso Mestre Jesus nos ensina que precisamos morrer cada dia. Devemos morrer para o egoismo e para a inveja, para gozarmos e compartilharmos o amor de nosso DEUS. Precisamos morrer para a incredulidade para comemorarmos a realização de nossos sonhos. Precisamos morrer para os nossos pecados para chegarmos à presença de nosso DEUS, onde há abundância de vida.

Nossa vida tem sido usada para produzir vida? Temos produzidos frutos de arrependimento e perdão ? Se não, peçamos ao Senhor que Ele faça morrer em nós todos os obstáculos que nos impedem de sermos bênçãos na vida de outros.

Aí sim, na semelhança do grão de trigo veremos nascer em nós uma nova vida, cheia de gozo, felicidade e alegria, brilhando para a glória de DEUS.

Pr. Ezequias Costa

Anúncios
Post anterior
Post seguinte
Os comentários estão desativados.
%d blogueiros gostam disto: