Salmo 90 – Nossa vida é breve

“A vida passa logo, e nós desaparecemos.” Salmo 90 verso 10

Este Salmo, atribuído a Moisés, mostra um contraste entre a eternidade de DEUS e a nossa vida aqui na terra, que é breve, passageira. Essa brevidade da vida dos seres humanos é comparada a:

> Pó – “Tu fazes que novamente (os seres humanos) voltem ao pó.” – verso 3.

> Um sonho ligeiro – verso 4

> Erva que brota de manhã, dá flor e à tarde seca e morre. – versos 5 e 6

> Um conto rápido – “Acabam-se os nossos anos como um conto rápido” – verso 9

> Uma vida cheia de canseiras – “Só vivemos setenta anos e os mais fortes chegam a oitenta anos; mas esses anos só trazem canseira e enfado.” – verso 10.

Aqui está a maravilhosa lição deste Salmo: já que nossa vida é tão breve aqui sobre a terra, precisamos de sabedoria para viver intensamente nossos dias. Por isso, o autor declara com muita ênfase: “Ensina-nos a contar os nossos dias para que alcancemos um coração sábio.

verso 12

Quando terminar aqui a nossa existência e chegarmos diante da presença do Todo Poderoso, será avaliada como foi, ou como deixou de ser, a nossa dedicação ao SENHOR.

Nossa vida precisa estar cheia da presença de DEUS, de SUA Glória para que ELE nos ensine a viver uma vida segundo o padrão dELE mesmo. Então, realizaremos obras grandiosas e que ultrapassarão o tempo de nossa própria existência.

Para isso, convido você a fazermos juntos a oração de Moisés, homem a quem DEUS conhecia e com quem conversava face a face, e que realizou uma obra que ultrapassa os anos e as vidas de muitas gerações. Esta oração encontra-se no final do Salmo, no verso 17:

“Confirma sobre nós a obra das nossas mãos; sim, confirma a obra de nossas mãos.”

Anúncios
Os comentários estão desativados.
%d blogueiros gostam disto: