INTIMIDADE NA ORAÇÃO

“Visto que tudo será desfeito, que tipo de pessoas é necessário que vocês sejam? Vivam de maneira santa e piedosa”. 2 Pedro 3.11

O Apóstolo Pedro nos orienta a viver, dia após dia, uma vida separada para Deus e buscar ter o Seu caráter. Da mesma forma que Jesus viveu, devemos viver nós.

Não é possível separarmos essas duas palavras, santidade e piedade, pois não há caráter igual ao de Cristo sem haver a santidade. (mais…)

Anúncios

SALMO 144 – PRONTO PARA A GUERRA

“Seja bendito o SENHOR, a minha rocha, que treina as minhas mãos para a guerra e os meus dedos para a batalha. ELE é o meu aliado fiel, a minha fortaleza, a minha torre de proteção e o meu libertador, é o meu escudo, aquele em quem me refugio.” Salmo 144, versos 1 e 2

Declaração de um guerreiro: DEUS é uma rocha que não pode ser abalada, uma fortaleza bem construída, um escudo que protege e um libertador fiel PARA QUEM EM DEUS SE REFUGIA.

Existe, sim, um conflito espiritual entre a Igreja do Senhor Jesus e Satanás e seus demônios. Em todas as esferas do conflito espiritual somos preparados pelo SENHOR para essa batalha. Mãos e dedos. (mais…)

DIA DE VITÓRIA – MÃO GRUDADA NA ESPADA


“O soldado Eleazar, um dos três principais guerreiros de Davi, estava com ele quando os filisteus se reuniram para a batalha contra Israel. Os israelitas recuaram, mas Eleazar manteve sua posição e feriu os filisteus até sua mão ficar dormente e grudar na espada. Nesse dia, o Senhor DEUS concedeu uma grande vitória a Israel.” 2 Samuel 23.9 e 10

Fico impressionado com este relato. Um soldado, um guerreiro que não teve medo do inimigo. Mas, ao contrário, segurou firme na sua espada até conseguir a vitória final.

A Bíblia nos ensina, em Efésios 6.17, que a Palavra de DEUS é a espada do Espírito, uma arma de ataque contra os inimigos espirituais. (mais…)

SALMO 143 – CINCO ATITUDES DE FÉ


“Atende, Senhor, a minha oração, dá ouvidos às minhas súplicas. Responde-me conforme a Tua fidelidade, conforme a Tua justiça.” Salmo 143, verso 1.

Este é um Salmo bem prático para aqueles que buscam respostas para suas necessidades. Acompanhe meu raciocínio:

1a. Atitude. ORAR. (mais…)

O DESÂNIMO BATEU À SUA PORTA??

“Considerai, pois, atentamente, aquele que suportou tamanha oposição dos pecadores contra si mesmo, para que não fatigueis, desmaiando em vossas almas” (Hb.12.3).
Se nos sentirmos desalentados, certamente não seremos os primeiros. O grande líder Moisés, o profeta Elias, o profeta Jonas, o apóstolo Paulo e muitos outros servos do Senhor consagrados tiveram fases de abatimento. (mais…)

SALMO 142 – UMA PESSOA EM GRANDE ANGÚSTIA


“Em alta voz clamo ao Senhor; elevo a minha voz ao Senhor, suplicando misericórdia. Derramo diante DELE o meu lamento; a ELE apresento a minha angústia,” Salmo 142.versos 1 e 2.

Uma pessoa em grande angústia tem os pensamentos perturbados. Tão aflita está que quando se dirige ao Senhor grita, porque quer manifestar diante de DEUS a sua queixa. Tão angustiada está essa pessoa que só sabe gritar, desesperadamente…

Sente-se como diante de armadilhas ocultas, que seus inimigos, visíveis ou invisíveis, lhe armaram. A sua angústia, todavia, é bem objetiva. Pode ser uma angústia de natureza psicológica, porque deixa escapar uma declaração de que “não há quem me reconheça” (v.4)

Sente que não pode encontrar nenhum lugar onde possa se refugiar. Não consegue enxergar pessoas à sua volta que lhe demonstrem amor, compreensão ou interesse. Também este foi o grito de angústia do apóstolo Paulo, (mais…)

AFUNDAR É POSSÍVEL… MAS, PERTO ESTÁ O SENHOR…!!


“Pedro disse: ‘Se és Tu, Senhor, manda-me ir ter conTigo por sobre as águas.’ Jesus disse: ‘VEM.’ Pedro descendo do barco, andou por sobre as águas e foi ter com Jesus. Mas, reparando na força do vento teve medo e começou a afundar…Então gritou: ‘Senhor, salva-me…”

Pedro e outros dos discípulos de Jesus estavam num barco, atravessando o lago de Genesaré para a outra margem. O Senhor Jesus os vê, atarefados, lutando contra as ondas e o vento, e vai ao encontro deles caminhando por sobre as águas. (mais…)

SALMO 141 – QUATRO DECISÕES PARA O ANO NOVO


“SENHOR, a Ti clamo! Escuta-me! Inclina os Teus ouvidos à minha voz, quando eu a Ti clamar. Suba a minha oração perante a Tua face como incenso, e seja o levantar das minhas mãos como o sacrifício da tarde.Põe, SENHOR, um guarda à minha boca; guarda a porta dos meus lábios. Não permita que meu coração se incline para o mal, nem para se ocupar de coisas más com aqueles que praticam a iniquidade; não coma eu das suas delícias.” Salmo 141 versos 1 a 4

O final do ano de 2012 se aproxima. Esta é uma boa hora para pensarmos em novos propósitos e decisões para o Ano Novo. Vão aqui quatro sugestões tiradas do Salmo 141: (mais…)

GPS – A DIREÇÃO QUE VEM DO ALTO

“O coração do ser humano pode fazer planos, mas a resposta certa vem dos lábios do Senhor.” – Provérbios 16.1

Ao dirigir pela primeira vez com um GPS – “Sistema de Posicionamento
Global” fiquei dominado por um sentimento de poder superior. Estava com um carro e nem precisei decifrar mapas confusos ou pedir ajuda a pedestres. Era só indicar o caminho…e pronto! A ajuda veio do alto… literalmente através do sistema de satélite acima da Terra… (mais…)

VOCÊ VAI DESISTIR??


“Depois disso, tornou o Senhor Jesus a minifestar-se aos Seus discípulos junto ao mar de Tiberíades; foi assim que Ele se manifestou. Estavam juntos Simão Pedro, Tomé chamado o Gêmeo, Natanael, que era de Caná da Galiléia, os dois filhos de Zebedeu e mais dois dos seus discípulos. Disse-lhes Simão Pedro: Vou pescar. Disseram-lhe os outros: Também nós vamos contigo. Sairam e entraram no barco e naquela noite nada apanharam.” João 21. 1 a 3

Uma das questões que este texto nos apresenta: Será que os discípulos desistiram? Resolveram voltar à velha vida de pescadores?

Uma outra questão que o texto nos mostra é que foi Simão Pedro que convidou os outros para voltarem à pescaria. Será que ele se sentia culpado depois de ter negado o Mestre, dizendo que não O conhecia? O mesmo Simão Pedro que andava tão perto do Senhor Jesus…? (mais…)

SALMO 140 – OS CUIDADOS COM A LINGUA


“Afiam a língua como a serpente; debaixo de seus lábios há veneno de cobra.” – Salmo 140.3

As Escrituras Sagradas são muito preocupadas com as recomendações quanto ao uso de nossa língua. Este Salmo fala exatamente sobre esse cuidado.

No início da igreja primitiva, lá em Jerusalém, esse cuidado já aparecia através do pastor da Igreja, o irmão Tiago, (mais…)

%d blogueiros gostam disto: