QUE TAL UMA CHUVA??

Textos bases: Salmos 42:1,2 e 56:11
url
Pois é…mais um dia começa. Mais uma batalha a ser travada.

Há dias em que a gente acorda, olha o sol quente, o calor que nos espera e bem no fundo pensamos: Ah, Senhor! Bem que Tu poderias mandar uma bela chuvinha para refrescar. Outros já preferem o calor. Eles tem medo da chuva. Do que acontece quando ela vem.

Vamos nos transportar para a situação do Salmo 42. Lá estava o salmista em meio ao deserto mais uma vez. Calor? Muito calor. Sede? Ah, meu amado…muita sede. Ele bem poderia abaixar os olhos e enfiar a cabeça naquela areia quente e morrer sufocado.

Tinha muitos motivos para isso. Mas…ele fez outra opção. Ele escolheu olhar para Deus. Mas uma vez aquele homem (segundo o coração de Deus) nos ensina uma bela lição. “Como a corça suspira pela corrente das águas, assim POR TI, oh Deus, suspira a minh’alma”. Aleluias, por TI, o Deus queremos suspirar. É de TI, que temos sede!

Eu e você temos duas opções, mas apenas uma escolha. Todos passamos por desertos, por momentos de profunda sequidão…dor, solidão. Mas, assim como Davi, temos a opção de levantar os olhos e olhar para aquele que é Maior.

Deixa eu te fazer uma pergunta: Você quer uma chuva?

Não, sei querido ou amada, o que você esta passando neste dia. Como acordou, o que espera, o que deseja ou pelo quê tem orado. Mas de uma coisa eu sei: o nosso Deus é poderoso para fazer infinitamente mais de tudo quanto pedimos ou pensamos, conforme o Seu poder que, em nós, opera (Ef 3:20).

A verdade é que às vezes estamos num deserto tão grande, que não conseguimos ver a mão de Deus naquilo. Pedimos um milagre, uma grande manifestação de poder. Mas, nos esquecemos que o Deus de fogo e trovão também fala na brisa suave (I Reis 19:12,12). E como fala!

Sei que não é fácil ver nossas lutas com olhos tão brandos. Pelo contrário, nossa tendência é a revolta. Mas não é por aí…

Ou cremos no Deus que servimos, que nos tirou das garras do inferno, ou jogamos no lixo tudo que aprendemos! Não há meio termo.

Crer ou não crer? Eis a questão? Não, com certeza para o crente isso não é uma questão. É uma certeza! Nossas opções são duas: Crer ou Crer. Ou cremos, ou cremos… não é maravilhoso?

Às vezes parece que estamos num labirinto sem saída, cercados por todos os lados. Mas tenho visto, pelos olhos da fé, em minha própria vida a força das promessas de Deus:

“No dia em que eu Te invocar, baterão em retirada todos os meus inimigos. Bem sei isto: que Deus é por mim” (Sl 56:11).

Glórias a Deus! Que afirmação mais tremenda essa do salmista. Já parou para pensar que basta invocar ao Senhor? Deus é por ti. Deus é por ti! O que te pode fazer um mortal?

Nunca pense que este deserto é longo demais para você, não pense que você não tem forças para resistir. Lembre-se que “Não veio sobre vós tentação que não fosse humana; mas fiel é Deus, e não permitirá que sejais tentados alem das vossas forças, pelo contrário, antes com a tentação vos proverá livramento, de sorte que a possais suportar” (I Co 10:13). 

Deus é fiel! Se você está num deserto, é por que Ele sabe que você é capaz de suportar. E que assim como Jó, sendo provado por Ele, sairá como ouro. Ouro puro de Ofir!

Bem aventurado aquele cuja força está no Senhor. É Ele quem dá a vitória para o seu servo fiel.
Invoque ao Senhor,! Ele dos céus te ouvira, mandará maná, carne, se preciso até coluna de nuvem e de fogo. E te mostrará o caminho para a fonte das águas vivas.

Não temas, jamais. Apenas invoque ao Senhor! E receba a sua vitória em nome de JESUS!

pr. Ezequias Costa  – email pr.ezequias@terra.com.br

site: http://pastorezequias.com

Face: Ezequias Costa

Anúncios
Os comentários estão desativados.
%d blogueiros gostam disto: