CASAMENTO: COMEÇOU BEM, MAS….ACABOU MAL….

CASAMENTO: COMEÇOU BEM MAS…. ACABOU MAL….

“Isaque permaneceu na região de Gerar. Os homens daquele lugar perguntaram a ele a respeito de sua mulher, Rebeca. Ele disse: É minha irmã; porque tinha medo de dizer: É minha mulher, para que os homens do lugar nao o matassem por amor de Rebeca, porque era linda de aparência.”
Gênesis 26.6 e 7

A Bíblia não esconde os mal-feitos de ninguém. Isaque foi criado por seu pai, Abraão, e foi dito que Isaque seria o continuador dos planos de DEUS para criar um povo só Seu. Mas, embora criado dentro dos planos de DEUS Isaque também tem defeitos como seu pai, Abraão.

No texto que lemos, Isaque usa de mentira para salvar sua pele. Mas, colocou sua mulher, Rebeca, em uma enrascada. Isaque estava preocupado com sua própria segurança. Mas agiu de maneira covarde, pois abandonou sua mulher aos desejos de outros homens.

Isaque era marido dentro de casa. Fora do quarto do casal, ele não teve coragem de assumir sua mulher. Essa atitude causou feridas emocionais em sua mulher, Rebeca. Aqui, o diálogo entre Isaque e Rebeca termina. Ambos vão passar a velhice na solidão…

A partir daí, a relação entre Isaque e Rebeca, marido e mulher, é uma relação cortada. Vão jogar um filho contra o outro e vão sofrer as consequências… Esaú, o mais velho, o queridinho do papai e Jacó, o mais novo, o queridinho da mamãe

Isaque, cujo nome significa riso, nunca mais teve motivos para sorrir. Perdeu os dois filhos no mesmo dia…
Jacó foge de casa, e vai para longe. Foge como mentiroso, traidor , embusteiro, com a consciência culpada. Jacó enganou o pai, já velho e sem poder enxergar. Jacó traiu o irmão, Esaú. E deixa a mãe sozinha, agora fracassada…
Esaú, traído pelo irmão mais novo, sai de casa para casar contra a vontade dos pais. O ódio contra seu irmão Jacó passa a ser o motivo principal de sua vida. Tem sede de vingança…
E, finalmente, Rebeca, armou uma guerra dentro de sua própria casa. Vê seus filhos se transformarem em inimigos mortais. Ela nunca mais vai ver seu filho querido, Jacó. Vai viver uma velhice amarga porque foi incapaz de prever as consequências de seus atos. A verdade é que Rebeca fez o ódio brotar no coração de seu filho Esaú.

Hoje, passados tantos anos desta história, o que tem a ver conosco? Com nossa vida, com nosso casamento, com nossos filhos? O que esta história tem a ver com seu casamento ou com sua família?

“Então, Esaú, correu ao encontro de Jacó e o abraçou…Jogou-se ao pescoço de Jacó e o beijou e choraram.” Gênesis 33.4

Era preciso tudo isso para ver que se amavam? E você, aprendeu algo?

Pr. Ezequias Costa
email: pr.ezequias@terra.com.br
blog: http://pastorezequias.com

Anúncios
Post anterior
Os comentários estão desativados.
%d blogueiros gostam disto: