COMO CHEGAR ATÉ JESUS

COMO CHEGAR ATÉ JESUS

Autor: Ezequias Costa

“Convidado por um dos fariseus para jantar, JESUS foi a casa dele e reclinou-se a mesa. Ao saber que JESUS estava comendo na casa do fariseu, certa mulher daquela cidade, uma pecadora, trouxe um frasco de alabastro com perfume, e se colocou atrás de JESUS, a Seus pés. Chorando, começou a molhar os SEUS pés com suas lágrimas. Depois os enxugou com seus cabelos, beijou-os e os ungiu com o perfume”.

Os fariseus eram um grupo de judeus, devotos da Torá, que surgiu no século II A.C. Viviam na estrita observância das escrituras religiosas e da tradição oral dos mestres. Foram acusados de formalistas e hipócritas pelo Senhor JESUS.  

Um dos fariseus convidou JESUS para jantar com ele em sua casa. Algo muito bom e correto. Jantar é uma ótima ocasião para um contato social. Algo é oferecido, alguém é homenageado, alguém é introduzido em nossa casa.

Mas, dificilmente o convidado passa da sala. A conversa é agradável e temas polêmicos são evitados. A conversa é ao redor da mesa. A mesa esconde quase todo o nosso corpo. A conversa fica ao nível da cabeça, a área dominante do corpo. Ao nível da ciência e do conhecimento. Como você se chega a JESUS?

Chega uma mulher da cidade. Ela não foi convidada, pois é uma mulher de má fama, uma pecadora. Esta mulher representa aqui o meu lado íntimo, cheio de emoções, sonhos, desejos. Este lado percebe a porta que o meu lado racional abriu e vai ao encontro de JESUS.

A mulher chega com um frasco de perfume. O perfume é para disfarçar o meu lado de pecados, que cheira mal. A mulher vem por trás, por baixo. Ela não vem por cima, não se impõe. Ela se humilha. Ela reconhece a grandeza de JESUS. Chega de mansinho, com lágrimas, porque o relacionamento não é de palavras, é de sentimento.

O meu lado racional, de decisões práticas, do cérebro, não fica à vontade com as demonstrações emocionais diante de JESUS. O meu lado racional acha que o lado emocional deve ser pecador e, portanto, deve ser deixado de lado.

A nossa religião não deixa espaço para o lado das lágrimas chegarem perto de JESUS. Não deixa espaço para relacionamentos profundos, silenciosos, cheios de lágrimas.

JESUS conta a história de um homem que muito devia e foi perdoado. ELE mostra o lado do amor. Nosso lado pecador pode prestar um culto mais profundo, que envolve o corpo todo. Só quando nos desnudamos diante do Senhor JESUS, e desejamos ardentemente, temos esse íntimo relacionamento com ELE.

Precisamos conhecer esse JESUS que nos toca tão intimamente e que pode perdoar meus pecados. ELE me conhece e me trata de um jeito tão amoroso…

Quando eu me permito ser tocado e perdoado por JESUS, então há Paz. JESUS diz: “Teus pecados estão perdoados”. O fariseu ofereceu comida para JESUS. A mulher recebe de JESUS o alimento que lhe dá PAZ. Ele saiu perdoada.

A Simão, o fariseu, o religioso, o racional, o todo-certinho, nada é dito. A mulher sai em PAZ, com os pecados perdoados.

Pr. Ezequias Costa

Email: pr.ezequias@terra.com.br

Site: http://pastorezequias.como

Post seguinte
Os comentários estão desativados.
%d blogueiros gostam disto: